em outubro e no ano todo: autocuidado é importante!

Vamos conversar sobre outubro rosa? Não gostamos muuuito do termo ~ outubro rosa – novembro azul ~ porque acredito que reforça estereótipo de gênero, mas vamos apenas olhar pelo lado reflexivo da ideia, sim?

Qual foi a última vez que você foi ao ginecologista e fez um check-up? Muito se fala sobre o autoexame, se tocar no chuveiro, conhecer o próprio corpo, mas a novidade é que a própria OMS não recomenda mais o autoexame por motivos de: você pode ter algo e ainda não ser perceptível ao toque, ou seja, apenas um exame feito em consultório pode confirmar se você está bem ou não.

E qual a importância de falar sobre isso abertamente?

Nós não somos robozinhos, ovelha. Você precisa sim criar o hábito de ir ao médico regularmente. Crescemos com a ideia de que mulheres são fortes, aguentam muita coisa (e sim, aguentamos mesmo), mas não devemos ir ao médico apenas quando não tem mais como “suportar”, e sim para que não seja necessário sofrimento. Nos colocarmos como prioridade na própria vida é difícil né? Sempre deixamos para depois, ou pra lá. Mulheres mais novas nem tem estímulo para autocuidado, mas a partir dos 25 anos já devem fazer exame de mamas regularmente, assim como os preventivos, indicados a partir do momento em que a vida sexual é iniciada. Sem tabu, sem vergonha, apenas pra cuidar da pessoa que é mais importante na sua vida: você mesma, ovelha. Autocuidado é de extrema importância e precisamos ter isso em mente.

Vale ressaltar que para preventivos o ideal é semestralmente ou pelo menos anualmente. Somente ele pode te prevenir contra o câncer de colo de útero. Você pode contrair uma IST e levar dez anos para descobrir que a têm, caso não faça exames periodicamente, já imaginou o perigo? Descobrir um diagnóstico precoce aumenta muito suas chances de recuperação plena, evitando problemas maiores.

Outro assunto que precisamos debater com relação à autocuidado é: você usa camisinha? Quando está com qualquer parceiro, precisa exigir o uso, ou acontece naturalmente? Ovelha, o corpo é seu e você precisa cuidar dele com todo amor e carinho. Se por acaso acontecer de sair com alguém e essa pessoa recusar o uso da camisinha, ela não vale a sua atenção e sua energia, principalmente porque sexo também é troca de energia. E, se você está no meio de uma relação e o parceiro tira a camisinha, isso é considerado CRIME. Você pode fazer uma denuncia e expor a má pessoa, viu? Vale alertar que qualquer coisa depois de um não, é ESTUPRO. Não se esqueça disso, viu? Se por acaso você está com dúvidas se algo aconteceu com você, nossos canais estão abertos para conversa e você pode ficar à vontade para tirar suas dúvidas com a gente, combinado?

E além de fazer exames e começar a se perceber, vamos começar a estimular debates sobre o assunto? Você conversa sobre esse tema com suas amigas? Têm liberdade para debater assuntos que podem ser considerados ~difíceis?

Ovelha, estamos juntas nessa 🙂
Se você precisar de qualquer coisa, estamos aqui.

Leave a Reply